7 de agosto de 2012

Ranking dos Políticos - WWW.POLITICOS.ORG.BR


O QUE É O RANKING DOS POLÍTICOS?

Somos um ranking que compara políticos de todo o Brasil. Classificamos os legisladores do pior para o menos pior. Sabemos que existe uma enorme quantidade de corruptos e incompetentes na política brasileira. No entanto, se votarmos em massa nos menos piores, estaremos incentivando uma melhoria no panorama político do Brasil. Nossa meta é oferecer informação para ajudar de forma objetiva as pessoas a votarem melhor. Somos um site particular criado por dois professores e administradores de empresa. Não somos filiados a nenhum partido político ou grupo de interesse. 



QUAL É A IMPORTÂNCIA DESSE PROJETO?
Consertar os problemas brasileiros deve ser feito pela via política, ou seja votando e implantando leis boas. Como os políticos são os maiores beneficiários da situação atual, não é fácil fazê-los votar leis que prejudiquem eles mesmos. A boa notícia é que mesmo os políticos mais corruptos também dependem de votos, portanto se a população votar melhor, consequentemente teremos políticos melhores e, aos poucos, pode-se aumentar a qualidade dos nossos representantes públicos. Com o tempo, se conseguirmos ter dezenas de milhões de eleitores acompanhando o Ranking, além de colocar para fora os corruptos, ainda criaremos um forte incentivo aos demais políticos para se comportarem bem, pois saberão que se trabalharem mal, perderão pontos no Ranking.



QUAL É O IMPACTO DO RANKING NO ELEITOR?
Um brasileiro que quiser votar com um mínimo grau de critério precisaria despender dezenas de horas por eleição pesquisando informações sobre os candidatos. Poucos tem o tempo e a disposição para fazer isso, apesar da gigantesca importância para o País. O Ranking dos Políticos reúne eletronicamente centenas de milhares de fatos sobre todos os políticos e os resume de forma simples de escolher. Ao consultar o Ranking dos Políticos, mesmo que não tenha tempo, um eleitor pode votar de modo consciente em poucos minutos e evitar que os corruptos sejam reeleitos.



QUEM CRIOU ESSE SITE E PORQUE?
Esse site foi idealizado por Alexandre e Renato. Somos professores e administradores de empresas. Assim como milhões de brasileiros, estamos indignados com a corrupção e a má qualidade do setor público em geral. No entanto, acreditamos que fazer manifestações genéricas não resolve o problema. Pior ainda, as manifestações favorecem os mais corruptos, pois dão uma ideia de que "ninguém presta" então acaba o incentivo para tirar os piores da política. Nós entendemos que o Ranking é a forma mais eficiente de melhorar o Brasil, pois ao tirar os piores e votar nos menos piores, criaremos um ciclo virtuoso de melhoria.



QUEM FINANCIA ESSE SITE?
Somos uma iniciativa particular dos fundadores. Bancamos cem por cento dos custos do nosso próprio bolso. O site custou vinte mil reais para desenvolver e mais quinhentos reais por mês para manutenção. Não aceitamos doações de ninguém e nunca recebemos dinheiro de fora, seja pessoa ou instituição. Se você quiser contribuir com esse trabalho, envie informações sobre políticos.



COMO É CALCULADO O RANKING?
Cada político começa com 200 pontos e, de acordo com os dados que obtemos, ele pode ganhar ou perder pontuação. Consideramos como válidas as informações vindas de fontes oficiais, como sites governamentais, do Instituto Transparência Brasil, do Vote na Web e de veículos de mídia de primeira linha. Além disso, acompanhamos as votações de cada político e classificamos as leis de acordo com o quanto elas ajudam ou atrapalham o País, de acordo com os critérios do site.



QUAIS SÃO OS CRITÉRIOS PARA UM POLÍTICO GANHAR OU PERDER PONTOS?
Ganha Pontos
Fidelidade partidária: Permanecer no mesmo partido, seja ele qual for
Formação: Ter completado os estudos
Ficha limpa: não ter ficha criminal nem processos em aberto
Combate á corrupção: denunciar ou combater corruptos
Assiduidade: Não faltar ao trabalho
Despesas: Ter poucas despesas de gabinete
Patrimônio: Ter crescimento normal do patrimônio pessoal
Tributos: propor redução/simplificação de tributos
Gastos públicos: propor redução de desperdícios



Perde Pontos
Infidelidade partidária: Trocar frequentemente de partido
Formação: não ter completado os estudos
Ficha suja: ser réu em processos criminais e/ou civis
Exagero: Propor lei irrelevantes, como homenagens e afins
Assiduidade: Faltar frequentemente ao trabalho
Despesas: Ter muitas despesas
Patrimônio: Ter crescimento anormal do patrimônio, vivendo apenas da renda de parlamentar
Propor aumento/complexidade de tributos
Gastos públicos: propor aumentar desperdícios

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget