25 de julho de 2012

BAIA DA BABITONGA SE NÃO FOR PROMESSA DE POLITICOS EM CAMPANHA, PODERA TER TRANSPORTE AQUAVIARIO.


BAIA DA BABITONGA 
Transporte aquaviário de passageiro terá atenção especial.
Noticias do DETER - SC - 25.07.12

Reunião realizada no gabinete da presidência do Deter, na noite da última quarta-feira, marcou a retomada do planejamento estratégico para a regularização, estudo e viabilidade do transporte marítimo de passageiros em Santa Catarina.
Muitos foram os pontos abordados, desde legislação, estudos de viabilidade econômica e concessão de linhas.
Basicamente, para ser implantado o sistema tem que ser sustentável e promover a retirada de carros e ônibus do sistema viário e Santa Catarina, em especial, possui litoral que apresenta uma condição natural propícia para o transporte de pessoas e necessitamos conhecer as alternativas que irão apontar a melhor forma de aproveitamento.
A decisão de retomar o transporte aquaviário já está tomada e partiu do governador Luiz Henrique da Silveira e tem sido prioridade para o secretário de Infra-estrutura Mauro Mariani. De acordo com o governo do estado, temos que determinar as linhas do transporte coletivo rodoviário que são compatíveis com o hidroviário - determinando a quantidade de passageiros que têm a possibilidade para usar as duas opções, já que a idéia é que os sistemas sejam complementares.
Iniciado por Joinville e São Francisco, através do JetBus, o transporte marítimo de passageiros está apresentando uma evolução muito positiva, por esta razão, os empresários responsáveis pela travessia Joinville/São Francisco estão encaminhando ao Deter o pedido de ampliação da atuação do transporte que serviria também os municípios de São Francisco (Vila da Glória), Itapoá, Garuva e Araquari.
A reunião realizada pelo presidente do Deter, Altamir José Paes, contou com a presença do Diretor de Transportes do Deter, Ademir Machado e o Engenheiro Fernando Camacho da SDR de Joinville que atua há muitos anos na área, sendo considerado pelos seus conhecimentos nos trâmites de transporte marítimo e portuário.
No encontro foi determinado pelo presidente do Deter agilidade máxima nas iniciativas como a criação de um comitê de estudos da viabilidade do transporte marítimo (que já terá a escolha de seus membros e a primeira reunião na próxima semana), a busca pela regularização total do transporte intermunicipal de passageiros via marítima, linhas e concessões.
As iniciativas têm como prioridade estabelecer a legalidade e a viabilidade para que o projeto catarinense de transporte marítimo de passageiros seja incluído no programa do Governo Federal, que em breve deverá anunciar o PAC – Programa de Aceleração do Crescimento também para o transporte marítimo.
Com investimentos do Governo Federal será mais fácil viabilizar o desassoreamento e dragagem de rios e canais que fazem a ligação entre os municípios e o mar, bem como a construção dos terminais de passageiros.
Santa Catarina entra de vez na era do transporte marítimo de passageiros e terá resultados positivos, oferecendo novas opções, além de aproveitar sua característica natural litorânea, bem como equacionar o grande problema atual que se concentra no excesso de trânsito via terrestre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget