23 de maio de 2012

Greenpeace impede gigante de desatracar


Olá Paulo Roberto A.F. de Souza, Há mais de uma semana, ativistas do Greenpeace se revezam na corrente da âncora do navio Clipper Hope e impedem que ele se movimente para receber um carregamento de 31 mil toneladas de ferro gusa no Porto de Itaqui, em São Luis, no Maranhão. Essa denúncia expõe três crimes graves relacionados à produção de ferro gusa no Brasil: trabalho escravo, desmatamento e invasão de terras indígenas. O carvão vindo da Amazônia serve para alimentar as siderúrgicas que produzem ferro gusa. O Greenpeace exige que as autoridades tomem medidas imediatas para acabar com as ilegalidades da cadeia do ferro gusa e carvão. Seja um ativista você também. Assine para acabar com o desmatamento no Brasil. O Projeto de Lei Popular de Desmatamento Zero precisa de 1,4 milhões de assinaturas para ser apresentado ao Congresso Brasileiro, assim como aconteceu com a Lei do Ficha Limpa. Participe você também. Um abraço, Tatiana de Carvalho Coordenadora da Campanha da Amazônia Greenpeace Ajude o Greenpeace a proteger o planeta Recebeu este e-mail de alguém? » Torne-se um ciberativista também » Encaminhe esse e-mail para um(a) amigo(a)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget